Vinho pode ser um hobby e com o tempo se transforma em uma paixão… nada mais que justo, dividir com outras pessoas essa prática. Um ritual? Nada disso…rs. A ideia é reunir pessoas que querem compartilhar conhecimentos.

Uma boa confraria é conduzida por grupos que decidem juntos qual será o tema do próximo evento, inclusive por votação.

O ponto de partida é escolher uma data fixa por mês para todos coloquem na agenda.

*Convidar pessoas que gostam de vinho e marcar o um encontro. Que tal compartilhar no primeiro encontro o nome da confraria e o confrade responsável que deverá conduzir o evento?

*Deverá ser feito eleições para eleger de tempo em tempo um novo confrade responsável.

O local é fundamental, então sugiro: restaurantes, bares, bistrôs.  O que for mais confortável.

A prática de fazer em casa funciona também, mas precisa de mais dedicação porque terá que fazer o serviço completo de um restaurante.  A maioria dos restaurantes faz parceria, isentando a taxa de rolha e cobrando apenas o consumo dos pratos.

Algumas regras importantes:

• Não ter preconceitos e não julgar os vinhos pelo seu gosto pessoal.

• Não julgue o vinho pelo preço, o valor não define o vinho.

• Invista em taças modelo universal.

• Varie os estilos de vinhos

• Combine as harmonizações

• Analise o vinho,  existem fichas prontas de análise do vinho, os principais pontos a analisar são as funções olfativas e gustativas.

• Registre os vinhos com fotos e dê nota, de 0 a 5. Ajuda a selecionar melhor os próximos. Confraria pronta, vamos praticar e brindar com ideias novas e fotografar os momentos especiais.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Go top